Para atualizações gratis via email: DIGITE SEU EMAIL:

domingo, 22 de abril de 2012

China intoxica além de todos os limites o ar que respiram seus habitantes

A China admitiu que dois terços de suas cidades ultrapassaram o limite máximo de poluição atmosférica além do qual o ar se torna perigoso para a saúde, noticiou o jornal parisiense “Le Monde”.

Pressionado pela insatisfação popular, o governo prometeu mais uma vez pôr fim à desastrosa situação. As novas normas anunciadas pretendem atender às recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), mas na prática fixam tetos três vezes mais elevados que os preconizados pela OMS como fronteira do perigoso.

domingo, 15 de abril de 2012

Novo Código Florestal: Reforma Agrária vermelha do comunismo reaparece disfarçada na bandeira verde

Em Brasília, nos últimos dias úteis da semana que passou, foi entregue em mãos aos Sres. Deputados e  seus chefes de gabinete uma entrevista especial, sobre tema que paira como uma ameaça sobre o futuro do Brasil.

O entrevistado é o príncipe D. Bertrand de Orleans e Bragança, coordenador e porta-voz do movimento Paz no Campo, e versa sobre o projeto de Novo Código Florestal que a Câmara está debatendo.

Esse projeto, sobre tudo na radical versão aprovada no Senado, constitui um dos mais ousados lances da ofensiva “vermelha”, disfarçada sob o Verde do ambientalismo.

Reproduzimos a seguir a íntegra da mesma:



domingo, 8 de abril de 2012

Obama planeja fazer da “Rio + 20” uma “Woodstock verde global”

Obama e Al Gore.
Gore foi chave na montagem do evento paralelo da Eco-92
O governo do presidente Obama planeja fazer da reunião “Rio + 20” um “festival de militância verde”, escreveu FoxNews.

A Conferência do Rio visa oficialmente renovar as ambíguas e utópicas metas apontadas na Eco-92, as quais foram mal e pouco aplicadas pelos governos.

O “festival verde” de Obama teria como objetivo dar novo impulso à ofensiva “verde” no mundo. Seria algo como uma “Woodstock verde global” que exploraria a fundo as redes sociais como Facebook, Twitter e até o próprio Youtube.

Para além do clima de festival anárquico, o objetivo é muito mais ambicioso: empurrar o mundo do modo mais veloz quanto possível rumo a uma drástica reordenação social universal.

domingo, 1 de abril de 2012

Destacado alarmista climático confessa fraude e renuncia

Alarmista Peter Gleick renunciou após confessar fraude
O hidrologista norte-americano Peter Gleick, um dos arautos do aquecimento global pretensamente causado pelo homem, assumiu de público que se passou por outra pessoa para denegrir os que denunciam as fraudes sobre o aquecimento do clima, informou a “Folha de S.Paulo”.

Com um remetente anônimo, Gleick enviou para órgãos da imprensa e blogueiros americanos o que parecia ser documentos sigilosos do Heartland Institute, ONG conservadora americana que aponta as fraudes climáticas bem conhecidas.